Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

26
Set22

há trinta e dois anos... e 32 dias...

Mäyjo

Casámos há trinta e dois anos 1.jpg

Casámos há trinta e dois anos... e 32 dias!

Dizem, os entendidos, que o aniversário dos 32 anos são Bodas de Pinho e têm como significado a resistência do material. Para o pinho ter toda essa resistência ele passa por várias fases, assim como o Casamento. O pinheiro também era conhecido pelos antigos povos celtas como árvore da vida, por estar sempre verde mesmo durante o rigoroso inverno. E essa é a prova da resiliência!

Não tínhamos uma música nossa, não vivíamos juntos, sabíamos pouco um do outro.... Unimos as vidas com a certeza de que queríamos um compromisso diferente de tudo o resto que já tínhamos vivido.

Continuamos a gostar de músicas muito diferentes e não dançamos juntos...

Construímos várias casas (que, às vezes, nos iam destruindo o juízo), mas elas são o nosso lar, os nossos refúgios de felicidade. Temos uma família! com um cão... e já foram dois.

Eu tenho sempre muito sono e tu tens sempre muita artrite.

Tens um humor peculiar (procurei um adjetivo neutro ), quando estás disposto a isso, fazes bricolage como ninguém, tens tanto de paciente a aturar-me como de velho chato a resmungar. És o meu número um em alguns tops relevantes da vida.

Quero-te muito desde o primeiro dia, mas hoje multiplico isso por várias vezes. Afinal encontrei a pessoa que está sempre comigo em todos os momentos. És aquele que desenha assas nos meus sonhos.

Porque é e sempre foi assim entre nós: cuidas de mim, mesmo sem perceber.

O amor está nos pequenos gestos, naqueles que na maioria das vezes passam despercebidos: mais que estar presente, é fazer-se presente sem necessidade de gritar que se está.

Juntos descobrimos que a vida não é sobre itinerários perfeitos, é sobre histórias viáveis de luta, resiliência, aceitação; a vida não é sobre troféus, medalhas ou diplomas, é antes sobre as pequenas conquistas que nos tornam grandes seres humanos.

Não é mais do que aceitar que não conseguimos ter controlo sobre todos os incêndios físicos e emocionais, mas é aprender a correr entre as brasas. Até porque a vida faz muito mais sentido quando se caminha lado a lado do que quando se caminha sozinho!

Orgulho-me de ti enquanto pai, profissional e homem. E continuo a sentir o coração em lugares variados do corpo sempre que te vejo ao longe a caminhar na minha direçãoImagem4.png. Bernardo vamos continuar a fazer com que isto seja muito bom, mesmo nos dias difíceis.

A vida é muito curta para viver os planos das outras pessoas.

Parabéns a nós!tchim-tchim.jpg

32 anos de nós!!!

Imagem2.pngImagem3.pngUm brinde a nós e à família que construímos!

02
Fev22

PROCURA-SE...

Mäyjo

ATENÇÃO

IMG_2837.JPG

PROCURA-SE...

por ser arguido no processo da descoberta do significado da palavra mãe.

É o principal culpado de a minha vida ter dado uma volta de 180º há 28 anos atrás, quando te apresentaste ao mundo com uma serenidade e doçura muito tuas.

O peso dessa responsabilidade tão desejada não veio apenas com os teus pouco mais de 3kg de gente, mas com todo um percurso a descobrir de coração dado contigo.

Procura-se por ser culpado de múltiplos ataques de alegria e felicidade às vidas de todos os que o amam e que têm a honra de com ele conviver.

É também procurado por ter um grande coração recheado de valores, por ser íntegro e dedicado em tudo o que faz e honesto para com aqueles que fazem parte da sua vida.

Por tudo isto está sentenciado a uma pena de beijos e abraços ternos e apertados e a repetidos votos de felicidades!

Está também condenado a perpetuar este dia por muitos e muitos anos, sempre rodeado de amor, alegria e muita saúde.

Parabéns meu querido filho.

03
Set21

Este dia...

Mäyjo

" Saboreio este dia, fruto roubado no pomar do tempo. Sabe-me a novidade, deixa-me os lábios doces. Tem a polpa de sol, e dentro dele calmas sementes de outro sol futuro. Cheira a terra lavrada e a maresia. É tão livre e maduro, que quando o apanhei já ele caía. "

Miguel Torga.

08
Fev10

Um ano depois...

Mäyjo

QUANTO NÃO HÁ ESPÍRITO NADA A FAZER: NÃO FESTEJAMOS, MAS LEMBRAMOS....

 

UM ANO DE BLOG!!!!!! (NÃO ME LEMBRO DE MUITAS COISAS A QUE ME TENHA DEDICADO DURANTE TANTO TEMPO).
 
EM JEITO DE BALANÇO, QUE NADA EMBALA, TENHO-ME DIVERTIDO MUITO, E DESESPERADO MUITO MAIS. MAS É BOM, MUITO BOM!
 
AGRADECIMENTOS: A MIM MESMA, AO MEU SER, À MINHA ESTRANHA FORMA DE VIVER COM UMA IDEIA NOVA SEMPRE NA CABEÇA, MAS COM FALTA DE PAPEL PARA A ANOTAR, À NET...
 
AGORA A SÉRIO: A ALGUÉM QUE CÁ VENHA, A QUEM GOSTA, A QUEM ME ODEIA, AOS INDIFERENTES E AOS PARVOS, A QUEM DEIXA COMENTÁRIOS, A QUEM COMENTA PESSOALMENTE, AOS MEUS AMIGOS QUE FINGEM, QUE GOSTAM, AOS QUE ADORAM E NÃO ME DIZEM...
 
JÁ CHEGA, NÃO???
05
Fev10

1939...

Mäyjo

Neste ano (1939), neste dia, nasceu um homem que marcou de forma permanente a minha vida.

Hoje, brilha todos os dias para mim e ilumina o meu caminho e o dos meus...
Pai não te esqueço, nunca!
Pelo que foste, pelo que me ensinaste, pelo que partilhaste.
Por todo o amor, por toda a paciência, pela dignidade até ao fim.
Estás para sempre no meu coração...estejas onde estiveres!
 
02
Set09

A origem do Bolo de Aniversário

Mäyjo


Este engordativo costume teve origem nas oferendas feitas aos deuses da Antiguidade, que obviamente não pensavam em dietas, nem do corpo, nem da alma.
Essa invenção do Bolo de Aniversário deve-se à deusa Ártemis, que era celebrada pelos gregos como a matrona da fertilidade.

O bolo é provavelmente a evolução de um preparado de mel e pão, no formato de uma lua, que fiéis levavam ao famoso templo em homenagem a ela em Éfeso, antiga colónia grega na actual Turquia.

Há quem diga, no entanto, que a tradição surgiu na Alemanha medieval, onde se costumava preparar uma massa de pão doce no formato do menino Jesus no Natal. Depois, essa guloseima seria adaptada para a comemoração do aniversário de crianças.

Já o uso de velas também teria sido herdado do culto aos deuses antigos, que tinham a missão de levar, por meio da fumaça, os desejos e as preces dos fiéis até o céu, para que eles fossem atendidos.

Mas e as festas de aniversário? Até hoje, não se sabe a data exacta de quando os nascimentos começaram a ser celebrados. Ainda nos dias actuais, a comemoração é um costume ocidental, nem sempre seguido por outros povos.

No Vietname os aniversários não são comemorados individualmente no dia do nascimento – e sim colectivamente, no ano novo vietnamita, que segue o calendário lunar e acontece, em geral, entre os nossos 21 de Janeiro e 9 de Fevereiro.

Na China e em outros países o ano rege-se por diferentes calendários, e por diferentes datas de referência do nascimento e respectiva comemoração. O calendário Maia por exemplo é um dos mais antigos e diferentes do modelo ocidental, de contar os dias da vida de uma pessoa.

Embora não se saiba exactamente quando a tradição surgiu no Ocidente, a festa já era conhecida na Antiguidade. Os romanos não apenas comemoravam o dia do nascimento como tinham um nome para a festa: dies sollemnis natalis.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D