Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

11
Fev24

Após meio século...

Mäyjo

Após se ultrapassar meio século de existência, há restrições que não se toleram mais!

Não se suporta o sutiã muito apertado, os saltos altos presos nas pedras, os jantares forçados com aquela que “verifica” tudo na nossa casa, os sorrisos de circunstância….

Após os cinquenta já não estamos dispostas a comprovar mais nada. Somos quem somos!

Há as coisas que fizemos e as coisas que ainda queremos fazer. Se estiver tudo bem com os outros, OK. Caso contrário, é assim mesmo!

Depois dos cinquenta, não importa se tivemos filhos ou não. Ainda vamos ser mãe: da nossa mãe, do nosso pai, de uma tia que não tem mais ninguém, do nosso cão ou de um gato abandonado que trouxemos da rua.

E se tudo isso não suceder, vamos ser nossa própria mãe. Ao longo dos anos já devemos ter aprendido a zelar por um corpo que finalmente amamos, mesmo que tudo nele se torne cada vez mais imperfeito (apenas) aos olhos dos outros.

O importante é que as costas não chiam muito quando nos levantamos e que ainda não esquecemos de VIVER!

Após os cinquenta queremos liberdade.

Somos livres para cantar em voz alta no carro, mesmo que nos olhem de lado nos semáforos. Liberdade para dizer não, para ficar de pijama o domingo todo, para nos sentirmos bonitas por nós mesmas e não pelos outros. Liberdade para andar sozinha: quem nos ama vai nos acompanhar, os outros não importam.

Despimo-nos das inseguranças que nos fizeram tremer e temos sonhos, como quando tínhamos vinte anos, e vamos pedir a Deus tempo para os realizar.

E agora que já comemos metade da nossa vida em grandes dentadas e com pressa, descobrimos o desejo de saborear lentamente todo o açúcar e sal dos dias que temos à nossa frente!

341346032_939245907274750_3347243107331702488_n.jp

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D