Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

31
Mai24

Escrever para ti...

Mäyjo

Escrever para ti é recorrente.

Já usei todas as palavras que aprendi desde que sei escrever.

Melhorei e inventei outras.

Percorri o significado e a importância do amor e da família de diversas formas diferentes e nunca consegui cansar-me.

Não consigo arranjar maneira para enumerar o quanto existe de ti em mim.

Não tenho como viver a vida, sem estares sempre na minha sombra.

És uma mãe que não partilha aquilo que sofre, mas sofre tudo aquilo que lhe é partilhado.

Sou grata pela avó que o meu filho teve, que também fez de colo, rebentou de mimo cego e foi mãe do G. à sua maneira.

O amor vem de dentro e quando é imenso, transforma-se em silêncio. O amor não tem que ser explicado ou justificado, não tem de ser singular. O amor não nos limita, nem tem como ser dominado. O amor existe sempre, existe em todos de uma maneira ou de outra.

A minha mãe é só amor, abre os braços ao mundo, dá sempre tudo o que pode e o que não pode. A minha mãe descobriu a união, a empatia, a generosidade, o perdão, a coragem e todas as outras ferramentas necessárias para viver da forma mais completa possível. Ela não é só uma mãe e uma avó de sonho. Ela é um exemplo real de que devemos viver sempre o melhor de nós, é a prova de que a superação existe, apesar das dificuldades.

Eu não a amo apenas como mãe, eu sou eternamente apaixonada pelo ser humano que ela é. Quem me dera que todas as pessoas pudessem ter uma mãe como a minha! Tenho a certeza que o mundo seria um sítio mais bonito para se viver.

Obrigada mommy

352504739_820826116068519_940504503874046015_n.jpg

 

25
Mai24

Para onde...

Mäyjo

Onde está tudo aquilo que passámos o tempo a desejar?

O que foi feito dos dias que tanto esperávamos…?

O que foi feito das noites que passavam devagar…?

O que foi feito daquilo que queríamos que passasse depressa…?

O que foi feito da pressa que afinal nos conduziu a lugar nenhum…?

O que foi feito daqueles caminhos que receámos percorrer…?

O que foi feito dos passos que afinal não demos…?

O que foi feito dos sonhos que fomos adiando…?

O que foi feito do tempo que ainda tínhamos…?

Para onde foi o que não sabíamos que acabaria por ir…?

Para onde foram todos os anos que pensávamos que ainda vinham longe…?

Para onde foi afinal tudo o que não chegou a vir…?

Para onde foi o tempo que passou sem avisar quando achávamos que conseguíamos dar conta de tudo aquilo que não “podemos agarrar”?

Para onde foi?

9313f1ca-f2a7-47b3-a027-3122506e0c2a.JPG

23
Mai24

Dia da tartaruga

Mäyjo

Hoje é dia da tartaruga e para assinalar a data artista Flávio Wetten criou esse desenho, que eu acho maravilhoso.

24:5-Hoje é dia da tartaruga e lembrei dessa arte

Ao ver este desenho lembro-me que as tartarugas nos ensinam que moramos em nós mesmos, e que precisamos nos cuidar!

13
Mai24

O que é uma mãe?

Mäyjo

10987752_842288389178767_7113994260635762950_n.jpg

Uma mãe não é qualquer coisa, não é algo que se pode deixar de lado. É algo único, especial e digno de admiração, agradecimento, celebração. Uma mãe é tão necessária como o ar que respiramos. Pode faltar-nos tudo, mas a nossa mãe não! É uma mulher linda, valente, trabalhadora e lutadora, sempre por detrás das nossas vidas para ver como estamos. Muitas vezes, por a termos tão perto, damos por certo que sempre estará e não a valorizamos nem lhe damos o lugar que merece. Quantas pessoas dariam tudo para voltar a tocar as suas mãos, ainda que fosse só por uns minutos. Mas, já é tarde para eles, ela já não está, já se foi e não voltará. Perante esta situação choramos, sim, choramos por não ter dado mais de nós mesmos para lhe dizer: amo-te mamã! Estou aqui para o que precisares. A nossa mãe, ainda que a vida nos trate mal, ela sempre estará. Uma mãe é uma mulher que tem sempre algo divino que não podes encontrar em qualquer lugar. Mãe há só uma! Há mães que são duras e complicadas na hora de saber demonstrar o seu amor, mas recorda que por muito sério que seja o seu rosto e as suas palavras, ela ama-te à sua maneira. Uma mãe sempre nos ama, mesmo quando não o merecemos. O olhar de uma mãe é o que de mais próximo de Deus podemos encontrar neste mundo. Uma mãe tem o amor de Deus em si. Dedica mais tempo à tua mãe para que quando chegue a sua hora de partir, o teu coração fique em paz, por teres sabido corresponder um pouco a este amor que ela te dá. Eu, ainda tenho de aprender muito a saber retribuir um pouco diante do muito que ela me dá e faz. Hoje, dia da nossa Mãe do Céu, a Senhora de Fátima, peço por todas as mães do mundo inteiro, pelas que estão e pelas que já partiram. Porque estejam onde estiverem, serão sempre as nossas mães.

Um dia muito feliz para todos com Deus no coração.

 

Texto do Padre Ricardo Esteves

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D