Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

29
Abr24

Sonhos e projetos

Mäyjo

Reconheço que alguns sonhos ou projetos já não me servem mais (ou não têm mais a importância que tiveram) e desapeguei para abrir novos espaços. Depois da partida do meu filho arrumei a casa e procuro fazer coisas que vinha a adiar há muito tempo.

Tenho procurado aprender e experimentar coisas novas. Desenhar, escrever, meditar, passear na natureza traz uma paz que não troco por nada.

Uma das minhas resoluções nos últimos meses foi aprender yoga — sem sentir vergonha de não ter experiência ou de ter muito mais idade do que algumas alunas das aulas. Acreditar nas minhas escolhas (e no meu potencial de fazer algo novo) por mais inusitadas que possam parecer, é essencial neste momento da vida. Ando animada com esta nova aprendizagem e faz-me sentir que ainda tenho muito para viver. Aprendi a não ficar paralisada à espera do momento ideal para simplesmente me sentir feliz. Respeito o meu tempo e cada dia da minha existência.

335594252_911724076808956_8623048300767098861_n.jp

 

 

 

28
Abr24

Amor não é algo que damos ou recebemos

Mäyjo

Como disse Brené Brown o “Amor não é algo que damos ou recebemos; é algo que nutrimos e cultivamos, é uma conexão que só pode ser cultivada entre duas pessoas quando existe dentro de cada uma delas. Nós só conseguimos amar os outros o quanto amamos a nós mesmos.”

O Amor existe e é ele que dá sentido à nossa vida. Há pessoas fantásticas neste mundo que merecem o nosso carinho e a nossa confiança e que, se os deixarmos, farão parte da nossa vida de forma muito construtiva. 

319194675_1200949844153082_5837567513264296001_n.j

24
Abr24

A dor...

Mäyjo

A dor umas vezes chega como uma bomba, outras de mansinho como a chuva miudinha.

E vai ficando…

E instala-se como uma sombra numa tarde de verão, quando o sol vai descendo em direção ao horizonte.

Aconchega-se, acomoda-se, e deixamos de dar por ela…

E certo dia apercebemo-nos de que deixou de doer, mas ela continua lá… simplesmente habituámo-nos a ela!

Do baú das memórias do FB 17/03/2013

IMG_6193.jpg

22
Abr24

Desacelerar...

Mäyjo

A contemplação diária da vida é uma raiz para o bem-estar, para a cura e para a realização. É ao desacelerar que reunimos significado e propósito. Se estivermos com pressa, não podemos ver. Se não conseguirmos ver, vamos bater nas coisas. Incluindo decisões erradas!

Respirar.

Pausar.

Contemplar.

Reunir significado.

Bem-vindo a uma vida linda!!

thumbs.web.sapo.io-4 - cópia.jpeg

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D