Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

09
Fev24

Parabéns...

Mäyjo

Hoje é o dia dele… hoje ele faz anos.
A minha melhor metade!
Aquele que todos os dias me mostra o que é (verdadeiramente) importante: amar e ser feliz.
Amigo, gentil, atento, inteligente e podia continuar a descrever todos os teus atributos e qualidades.
Ter-te na minha vida torna tudo melhor e com muito mais significado e propósito.
Amo-te daqui até à eternidade meu Companheiro desta e de todas as outras vidas! 

Parabéns E!!! 

48917579_2281864882095005_3764447107327459328_n.jp

08
Fev24

Essas pessoas...

Mäyjo

Família…

De sangue é parente, para mim família é quem participa e faz para estar presente!

Não apenas dar presentes...

Gosto daquelas pessoas que estão sempre presentes, porque o nosso coração é a casa onde vivem.

Essas pessoas fazem-nos acreditar e continuar. Há que homenagear e agradecer a essas pessoas por tudo o que deixaram em nós.

Essas pessoas nunca partem, pois ficam guardadas na nossa gaveta da Saudade… sentimento que pode ser tantas coisas diferentes, desde a fase da perda à da memória bonita que fica.

DSC_1018.png

06
Fev24

Ponto final

Mäyjo

Tenho vivido os últimos tempos enleada no que acabou por se revelar um vínculo tóxico que me deu muitas lições e me ensinou que tudo tem um ponto final. Depois de inúmeras conversas, desabafos, percebi que dali eu só colhia tristeza, vazio e angústia.

Há pessoas com quem me importo (e muito) e quando isso acontece não tenho limites para os meus cuidados para com elas. Não gosto de me sentir usada, nem me agrada perceber que não passo de uma “obrigação”.  Juntando a falta de empatia e de conexão que acabaram por se instalar, vi-me numa encruzilhada e acabei por perceber que teria que “me escolher” e deixar ir a outra parte. 

E deixei ir. Não sei quem deixei ir, já não reconheço, não me identifico, mas admito que me machucou bastante. Sinto que deixei uma mochila que carregava há muito tempo e senti-me leve, desprendida, livre… embora triste.

Abri mão, não me importa mais. E escolhi-me a mim.

74945_10150110051563242_2961597_n.jpg

Se me vou afastar aos poucos? Vou. É que o meu lado emocional é de porcelana e tenho que tratar bem dele!

 

05
Fev24

O MELHOR QUE A VIDA ME DEU

Mäyjo

Um dia entendemos que a VIDA não é feita de grandes acontecimentos, nem precisamos deles para sermos FELIZES. É bom SONHAR, pois todos merecemos isso. Não me refiro a objetos, falo sobre o percurso: sobre a rotina que parece esgotante, mas é uma verdadeira bênção.

Um dia compreendemos que as MELHORES EXPERIÊNCIAS da nossa VIDA acontecem em pequenas coisas do dia-a-dia: Acordar, ter Saúde, Amar, ter quem nos Ame, Respirar, Abraçar, Sorrir e fazer os outros Sorrir, Ser Luz, Iluminar…tudo gratuitamente!

Sim, um dia olhando para dentro, descobrimos fora, descobrimos que precisamos de tão pouco para SERMOS FELIZES.

MUITO OBRIGADA, VIDA, por me presenteares com tantas pessoas boas que colocaste no meu caminho sempre que precisei. Obrigada por me fazeres sentir especial!

Photo-20-09-2016-14-16-17.jpg

 

03
Fev24

Atualmente...

Mäyjo

Como eu me revejo nas palavaras de Saramago...

"Atualmente, entre “eu” e o “outro” há distâncias e não é possível superar essas distâncias, e por isso conseguimos cada vez menos chegar a um acordo. As nossas vidas são compostas em cerca de 95% pela obra dos outros. No fundo, vivemos num caos e não existe uma ordem aparente que nos governe. Afinal tudo isto é um caos por decifrar."

IMG_1579.jpg

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D