Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

31
Mar23

Em modo eremita

Mäyjo

Estou a passar por uma fase de menor alento.

Acho que me podia (ou devia) tornar numa eremita e devotar-me a uma fase de introspeção e reflexão. Sinto que necessito de expurgar o meu coração de mágoas e palavras que insistem em permanecer nos meus pensamentos. 

Em algum momento das nossas vidas, todos passamos por situações destas e eu não sou exceção. Creio que tenho coisas a resolver comigo mesma e vou fazê-lo. Consigo superar. 

Entretanto, talvez fosse melhor procurar o lugar ermo mais próximo e pôr mãos à obra...

Até que consiga concluir a tarefa, se se cruzarem com uma eremita algures... devo ser eu.

IMG_4063-819x1024.jpg

 

 

29
Mar23

Eu & Tu

Mäyjo

Eu & Tu.jpg

No final somos só nós dois...

E o que seria de mim sem ti?

Uma roda-viva entre saber amar e achar que sei;

Seria uma perda de tempo, por compreender o que afinal não sei;

Seria um desassossego de solidão, de gente que desapareceu antes que eu desse conta.

Seria chorar sobre preocupação que não existe ou que criei em vão.

Sem ti, conhecer o mundo seria superficial e demorado.

Não saberia que a vida é realmente pobre se não a conseguirmos distinguir da existência.

26
Mar23

Hoje estou diferente…

Mäyjo

Hoje estou diferente…

hoje não coleciono coisas à espera disto ou daquilo que nem faço ideia se chegará a acontecer…

cuido cada dia e aprecio a intensidade, distribuo sorrisos e canto sem medo de me acharem ridícula.

Hoje valorizo-me mais, sou muito exigente com quem e como gasto o meu tempo. Rejeito falsidade e sou mais fiel àquilo que sinto do que à opinião dos outros ou ao que eles dizem.

Já não corro atrás de coisas que chegaram ao fim, aceito novas possibilidades... e já não tento perceber tudo da vida. Afinal ela é um cubo mágico e se decifrássemos tudo deixaria de ter piada.

Hoje escrevo mensagens e post-its sempre que me apetece, apenas para expressar a minha gratidão e o meu amor. Abro uma garrafa do vinho que gosto para celebrar os dias maravilhosos.

Observo os sentimentos e organizo o coração e a casa.

Chamo a felicidade para conversarmos!  Quero tratar cada vez melhor dela, de modo que ela possa viver sempre por perto.

Hoje sei que isso me dá paz e alegria, aceito a mudança e eu mesma vou mudando. Mudando o que quero, o que faço, o que penso. E enquanto essa mudança for para melhor eu não vou desistir. Porque isso seria desistir da vida e da melhor versão de mim mesma e isso eu não quero, nem permito.

Pelo menos por agora! 

Hoje estou diferente.JPG

 

24
Mar23

A gente escolhe um caminho

Mäyjo

“A gente escolhe um caminho na esperança de que ele vá nos conduzir a um lugar de alegria.

Tolos, pensamos que a alegria está no final do caminho, e caminhamos distraídos, sem prestar atenção, afinal de contas, caminho é só caminho.

Com frequência, a gente não chega lá, porque morre antes.

Mas há uns poucos que chegam ao lugar sonhado - Só para descobrir que a alegria não mora lá.

Caminharam sem compreender que a alegria não se encontra no final, mas às margens do caminho.”

___Rubem Alves

A gente escolhe um caminho .jpg

Pág. 1/3

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2024
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2023
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D