Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

Ele há dias...

... em que me apetece dizer disparates e escrever o que me vem à cabeça, sem me preocupar em ser politicamente correcta. Este espaço vai servir para isso (pelo menos não gasto papel!).

14
Mar18

Nos dias de chuva

Mäyjo

Agora que o Outono chegou e os dias ficam mais frescos, começa a apetecer o conforto de uma chávena de chá ou café a meio da tarde. 2.jpg

Os dias frios, nublados, e com chuva vêm acompanhados por um sentimento de nostalgia.

São dias que nos levam a pensar na vida, a refletir. A olhar para dentro de nós e pensar em tudo aquilo que nos rodeia, nas relações com os outros, na família, no modo como tentamos ou não ser felizes. São dias que pedem, com urgência, o conforto de um café ou de um chá acompanhado de uns deliciosos biscoitos.

Nestes dias de chuva, estes pequenos miminhos sabem tão bem!

 

14
Mar18

Ainda não descobri a resposta

Mäyjo

bom dia 1.jpg

Por que raios eu não tenho feito as coisas de que gosto? ... Mesmo uma pequenina? Por que raios eu parei de costurar? Qual o motivo de ter “esquecido” tanta coisa que me dá tanto, tanto prazer?

E não é apenas costurar, é tanta coisa que eu gosto e deixei de “ter tempo para” ... É encontrar as amigas para conversar sobre a vida.
Ainda não descobri uma resposta.

Vejo o meu álbum de ideias cheio e “as mãos paradas” ... as agulhas e os panos acumuladas num canto a apanhar pó e eu infeliz. O facto é que parei muita coisa há já algum tempo. Continuo crochetando, tricotando a um ritmo muito lento porque é o que vai dando para fazer enquanto fico esparramada no sofá..., mas não chega, não dá alegria.
Vejo as minhas tralhas juntando pó e eu sem minhas invencionices, sem criar... aqui, sem vontade...
Tento encontrar o motivo para tudo isso e não consigo.
Mas sei que minha vida era muito melhor quando eu costurava e quando eu fazia as minhas “invenções”.
E decidi que vou voltar. A costurar, a pintar... a fazer as coisas que me deixam feliz!!

09
Mar18

O tempo...

Mäyjo

O tempo é uma forma de privilegiarmos a vida.

O tempo parece que não tem fim, apesar de o contarmos em dias, horas, minutos e segundos.

Se não nos atrevermos a viver intensamente chegamos ao fim e não resta nada.

 

Ou resta muito pouco.

DSC_1130 copie 2 (2).jpg 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D